quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Os famosos cupcakes

Americanos relançam o cupcake

Coloridos, saborosos e pequenos do tamanho de uma xícara. Daí o nome em inglês de cupcake. Esse bolinho individual, típico dos Estados Unidos, é também a cara de Nova York.
Vai dizer que os bolinhos coloridos, salpicados de confeitos, não dão água na boca? Mas eles despertam muito mais do que a gula.

"É como me lembrar da minha infância. Faz você se sentir criança de novo", disse o homem.

Os cupcakes fazem parte da tradição dos americanos. Foram criados no século 19 como bolos individuais de aniversário e caíram na graça do povo. Eles são assados em forminhas de papel frisadas, cobertos de glacê e têm o tamanho de uma xícara, por isso o nome cupcake.

A receita é mantida em segredo. O máximo que eles divulgam é que a massa leva farinha, manteiga, açúcar e ovos. A cobertura é à base de manteiga, gordura vegetal hidrogenada, extrato de baunilha e açúcar.

A confeiteira disse que o bolo pode ter sabores variados, assim como o glacê. "Um dos mais cupcakes mais populares é o red velvet ou veludo vermelho. O clássico é o de baunilha”, falou.

Tem os que trazem uma cruz vermelha. Parte da rende desses bolinhos vai para ajudar as vítimas do Haiti.

Nova York é tão apaixonada pelos cupcakes que existem até roteiros turísticos que levam aos lugares mais famosos na produção do bolinho. Um deles é o Magnólia, uma cadeia que tem lojas espalhadas por toda a cidade. A mais procurada é a do West Village. Tem fila o tempo todo e turistas de muitas partes do mundo à espera de saborear o cupcake feito na hora.

A consumidora disse que, além de fresquinho, ele não é muito doce, é suave e a faz se sentir bem. Foi lá que o Jornal Hoje encontrou uma japonesinha, que experimentava a iguaria pela primeira vez. Ela disse que foi por causa do filme "Sex and the city".

Graças ao seriado e ao filme "Sex and the city", a fama do Magnólia aumentou muito. As quatro amigas de Manhattan não viviam sem um cupcake, que elas consideram o melhor da cidade.

Outro segredo guardado a sete chaves é a quantidade de calorias que existe em cada um dos cupcakes. Quem faz e quem compra prefere falar da delícia que é saborear esse bolinho com cobertura de glacê. A resposta mais comum sobre calorias é "who cares?” ou “quem se preocupa?”.

A mulher levava uma caixa com seis cupcakes. Quando perguntada se não tem medo de engordar, ela responde "who cares?”.

"Se eu tivesse um bolo grande, eu comeria inteiro. O cupcake me mantém sob controle", completou a mulher.

Pode até ser, mas ele lembra muito mais uma tentação.

Materia exibida no Jornal Hoje em 06/02/2010
Foto Angelina Cupcake

4 comentários:

  1. Oi Luciana,bom dia!
    Acabei de receber o presente que me enviou,gostei muito de ambos presente e mensagem.
    Muito obrigada,pelo carinho vou guardar com estima.
    Nao precisava pedir desculpas de nada o que vale e a intençao.
    Sempre que puder,passa em meu blog fazer uma visitinha,sera um prazer recebe-la.
    Sucesso amiga e muita saude.

    Beijos

    Angela

    angelafael@hotmail.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei o post sobre os cup cakes! Minha irma esta viciada neste e faz toda semana! uma delicia engordativa! heheh
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Engraçado como é viciante! Há um mês atrás tive a idéia de fazer cupcakes para o aniversário do meu filho mais velho, daí comecei a experimentar receitas tiradas da net, experimentei de baunilha, de cenoura, de baunilha com corante e etc, agora não consigo mais ficar sem fazer cupcakes,meus amigos estão adorando!!! Bom saber que tem mais cupcakeiras em Campo Grande/MS

    ResponderExcluir
  4. oi gostaria de saber por quanto posso vender cada cupcakes? quero começar a fazer... aguardo resposta, ok! evandracunha@hotmail.com

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário.
Assim que o ler,o responderei.
Volte para saber a resposta.
•.¸¸.•´¯`•.¸¸.¤ Beijos •.¸¸.•´¯`•.¸¸.¤

Ocorreu um erro neste gadget